sexta-feira, abril 29, 2011

"ÓBIDOSpinholando" - OFICINA "Lata Mágica"

Foram 10 as crianças que aderiram com entusiasmo à prática da Fotografia Estenopeica. Tal foi o entusiasmo posto que uma sessão extra foi desenvolvida dias depois. A próxima sessão vai ser a 7 de Maio.

terça-feira, abril 26, 2011

"ÓBIDOSpinholando" - Descentralização


Gostava de levar a exposição a diferentes lugares. Gostava de saber se algum dos artistas exposto está contra a ideia? Se não durante quanto tempo?  Obrigado

Sería interesante presentar la exposición en lugares diferentes. Me pregunto si alguno de los artistas están expuestos a la idea? En caso afirmativo ¿cuánto tiempo? Gracias

Il serait intéressant de présenter l'exposition dans des lieux différents. Je me demande si l'un des artistes sont exposés à l'idée? Si oui combien de temps?Merci

It would be interesting to present the exhibition in different places. I wonder if any of the artists are exposed to the idea? If yes how long? Thanks

Sarebbe interessante di presentare la mostra in luoghi diversi. Mi chiedo se qualcuno degli artisti che sono esposti a l'idea? Se sì quanto tempo? Grazie

Saudações pinholeiras



Tendo uma resposta positiva de todos os artistas expostos abrirei uma listagem para a aceitação de candidaturas que possibilitem a apresentação desta exposição por todo o território nacional.

"ÓBIDOSpinholando"


Um momento do convívio que se seguiu. Ganhar a atenção para ganhar entusiastas 


O gosto de uma mostra de alta qualidade e que agradou a quantos estiveram na sessão de abertura


Entre os praticantes de Fotografia Estenopeica era notório o agrado pela qualidade da mostra apresentada

sexta-feira, abril 08, 2011

APRESENTANDO - Rui Cambraia


Grande entusiasta da Fotografia Estenopeica, Rui Cambraia, aderiu de imediato ao convite que lhe dirigi para fazer parte do grupo de convidados do "ÓBIDOSpinholando". A sua proposta inicial, grandes imagens realizadas numa das iniciativas por si orientada era para mim um grande prazer mas o espaço não o permitia. Daí o ter condicionado a apresentar trabalhos de dimensões que permitissem uma utilização mais equitativa da área que o CDI proporciona.
Ligado a diferentes projectos os quais se foram desenvolvidos em variadas parcerias, projectos que podem ser acompanhados em


segunda-feira, abril 04, 2011

sexta-feira, abril 01, 2011

António Campos Leal - Apresentando



Eu.

Tenho nesta presença a razão do conceito e organização da iniciativa e é ela o dar início a mais um percurso no sentido de divulgar uma prática de fotografia alternativa que muito aprecio. Começou esta prática, de forma mais intensa à quase 12 anos o que me levou a motivar jovens com quem partilhava conhecimentos noutras àreas da Fotografia. 
Percurso feito com a criação do clube “Buraco de Agulha” e que resultava do interesse manifestado por alguns alunos no IPF, com os quais desenvolvi um conjunto de actividades que resultaram na minha ligação às iniciativas do  “Worldwide Pinhole Photography Day”, a que dei o meu apoio desde que para mim se tornou conhecida a sua existência e daí a minha presença com trabalho desde o ano de 2002.
Seguiram-se “Oficinas”, conferências, exposições, apoios a organizações várias mas sempre uma meta divulgar a Fotografia Estenopeica que alguns aplidam de pinhole e que eu tento seja identificada pela mais natural designação de estenopeica.
Desde a primeira hora um sitio no espaço virtual, http://pinhole.no.sapo.pt/ e que foi a primeira página nacional dedicada à Fotografia Estenopeica e a que juntei variados “blogues” que fui dinamizando de acordo com as possibilidades e saber.
Agora surge o “ÓBIDOSpinholando” que é a primeira iniciativa que junta figuras internacionais a autores nacionais. E abre para minha satisfação, com a possibilidade de trazer até cá alguns nomes de grande dimensão no panorama internacional e que tem mesmo representados três autores que estão directamente ligados à existência do “Worldwide Pinhole Photography Day”, Tom Miller (USA - team leader), Paolo Aldi (Italy) e Gregg Kemp (USA) e que desde o primeiro momento da organização do “ÓBIDOSpinholando” aderiram à iniciativa.
Quanto à minha presença propriamente dita, ela é resultado de um conceito amadurecido e ensaiado ao longo de algum tempo e que vou aplicar na realização de três fotografias obtidas sobre a Vila de Óbidos.

E agora vou querer melhor.